domingo, 13 de maio de 2018

Belos passos da China gigante


Chefe do Legislativo chinês reúne-se com presidente interino da Comissão da UA e pede maior cooperação China-África
2018-05-13 16:47:47portuguese.xinhuanet.com





Adis Abeba, 12 mai (Xinhua) -- O chefe do Legislativo chinês, Li Zhanshu, pediu por uma cooperação estreita entre a China e a África, durante sua reunião com Thomas Kwesi Quartey, presidente interino da Comissão da União Africana (UA), na sede da UA em Adis Abeba, Etiópia.

Durante sua reunião na sexta-feira, Li, presidente do Comitê Permanente da Assembleia Popular Nacional da China (APN), comentou que a China e a África são uma comunidade de destino comum pois compartilham uma amizade com raízes profundas e o mesmo propósito de desenvolvimento e prosperidade.

Li disse que guiados pela política chinesa para a África de sinceridade, resultados reais, afinidade e boa fé, assim como o ponto de vista correto de retidão e benefício, proposta pelo presidente chinês Xi Jinping, os dez principais planos de cooperação entre as duas partes avançaram bem e diversos importantes projetos de cooperação foram realizados, gerando benefícios substanciais para os países africanos e para o povo africano.

Li contempla um enorme potencial de cooperação pois a China está se esforçando para obter suas duas "metas centenárias" e a África também está impulsionando a realização de sua Agenda 2063.

A China está contente em ver uma África unida, pacífica e próspera e está disposta a impulsionar a cooperação integral e prática com o continente, declarou Li, expressando a esperança de haver mais resultados frutíferos nos marcos da Iniciativa do Cinturão e Rota e do Fórum de Cooperação China-África.

Li também expressou a confiança de que a China e a África trabalharão conjuntamente para tornar a cúpula de Beijing do Fórum de Cooperação China-África em setembro um evento histórico para avançar na cooperação entre a China e a África.

Os líderes da China e dos países africanos farão consultas entre si e prepararão um projeto de cooperação entre a China e a África na nova época em busca de resultados de benefício mútuo e desenvolvimento comum de nível mais alto, disse Li.

Ao elogiar o importante papel da UA na promoção da unidade e integração da África, Li disse que a China dá grande importância às relações com o bloco regional e quer apoiar, dentro da capacidade chinesa, seu esforço para fortalecer os órgãos da UA assim como sua capacidade de manutenção da paz e melhora da vida da população.

Ele acrescentou que a China apoiará o esforço da UA para conduzir a integração da África, desempenhar um maior papel nos assuntos regionais e internacionais e salvaguardar a unidade e os interesses comuns do continente.

Quartey deu as boas-vindas à visita de Li à sede da UA, cujo edifício de escritórios, de acordo com as palavras do presidente interino, representa a cooperação de alto nível entre a África e a China.

Ao agradecer o sólido apoio da China à UA, Quartey disse que o desenvolvimento pacífico da China ofereceu enormes oportunidades, assim como uma nova opção para a África.

Ele assinalou que a Agenda 2063 da África é altamente compatível com a Iniciativa do Cinturão e Rota, pedindo um avanço conjunto. A UA quer participar ativamente da cúpula de Beijing do Fórum de Cooperação China-África e aprofundar sua cooperação integral com a China, expressou.